Sociedade

Cavaco Silva recupera a bom ritmo de infeção por covid-19

Aníbal Cavaco Silva e a mulher, Maria Cavaco Silva, recuperam positivamente da infeção por covid-19 há cerca de uma semana.


O antigo Presidente da República e a antiga primeira-dama testaram positivo à covid-19 há cerca de uma semana, o que obrigou a um período de isolamento que se mantinha até à hora de fecho desta edição. Cavaco Silva, que testou positivo na quarta-feira passada, não terá regressado ainda à vida ativa, mas os piores sintomas já passaram, garante ao i fonte próxima do casal.

“Não está mal de saúde. Esteve com covid-19 e está agora já na fase final da infeção. Ainda não regressou ao gabinete, mas está bem”, explica a fonte. Já sobre Maria Cavaco Silva, revela ter também estado infetada, “mas também já está recuperada, no sentido em que os sintomas principais já foram ultrapassados”.

Esta é a primeira vez de que há conhecimento que o antigo Presidente da República contraiu covid-19, acabando a antiga primeira-dama por ter também testado positivo dois dias depois de Cavaco Silva, na sexta-feira passada. Sabe o i, no entanto, que, apesar da evolução positiva em termos de recuperação, Cavaco Silva terá sido inicialmente atacado fortemente pelos sintomas associados à infeção, que o afetaram especialmente ao longo do fim-de-semana passado.

a mais longa liderança Aníbal Cavaco Silva, economista, 82 anos de idade, ocupou o cargo de Presidente da República entre 2006 e 2016, depois de ter sido primeiro-ministro do país, entre 1985 e 1995, o que o torna a pessoa que mais tempo esteve na liderança do Governo do país desde o 25 de Abril. Ficou célebre a forma como venceu o congresso do PSDna Figueira da Foz, em maio de 1985. Na sua biografia contou que foi ao congresso quase casualmente, “para fazer a rodagem do carro”, um Citroën.

Os comentários estão desactivados.