Internacional

Explosões em cidades do Afeganistão matam pelo menos cinco pessoas

Nenhum grupo terrorista reivindicou até agora responsabilidades pelos ataques.


Várias cidades no Afeganistão foram esta quarta-feira atingidas por explosões, provocando pelo menos cinco mortes e 13 feridos.

Segundo os dados das forças políciais, os ataques ocorreram por volta das 18h30 (15h00, em Lisboa), na cidade de Mazar-e-Sharif, situada a norte do país, disse Mohammad Asif Waziri, porta-voz da polícia de Balkh, província onde ocorreram os ataques, à agência Efe. A mesma fonte reportou que os ataques foram causados por vários engenhos explosivos localizados em três veículos que se dirigiram para a cidade. 

A maioria das vítimas, informaram ainda as autoridades, pertenciam à minoria religiosa xiita, que nas últimas semanas sofreu inúmeros ataques em várias cidades afegãs.

Mas não ficou por aqui. Um outra outra explosão, poucas horas depois, numa mesquita sunita em Cabul, causou mais dois feridos, disse Khalid Zadrano, porta-voz da polícia da capital afegã, através do Twitter. O ataque ocorreu durante as orações da noite e foi causado por uma série de explosivos que tinham sido colocados naquele local sagrado. 

Nenhum grupo terrorista reivindicou até agora responsabilidades pelos ataques.

 

 

 

 

Os comentários estão desactivados.