Sociedade

Corpo de João Rendeiro já foi retirado da morgue de Durban

Cadáver encontra-se agora em Joanesburgo. 


O corpo de João Rendeiro já foi retirado da morgue de Pinetown, em Durban, pelas autoridades diplomáticas e consulares portuguesas na África do Sul, encontrando-se agora em Joanesburgo.

De acordo com uma fonte próxima do processo, citada pela agência Lusa, o corpo foi retirado da morgue na sexta-feira e transferido para Joanesburgo no dia seguinte, tendo sido conduzida pelas autoridades portuguesas na África do Sul e envolvendo a contratação de dois agentes funerários.

O ex-banqueiro português de 69 anos foi encontrado morto no dia 13 de maio, por volta da meia-noite, na cela onde se encontrava na prisão de Westville, sendo que deveria ser presente a tribunal na manhã seguinte. 

À agência Lusa, o porta-voz do Departamento de Serviços Penitenciários da África do Sul excluiu a possibilidade de estarem envolvidos terceiros. 

João Rendeiro estava detido na África do Sul desde 11 de dezembro de 2021, a aguardar extradição para Portugal, depois de passar três meses em fuga à justiça portuguesa.

Os comentários estão desactivados.