Sociedade

Mais de 200 mil pessoas já receberam a segunda dose de reforço da vacina contra covid-19

O processo de administração da segunda dose de reforço para idosos com mais de 80 anos ou mais e todos os residentes em lares começou no dia 16 de maio.


Mais de 200 mil pessoas com mais de 80 anos já foram inoculadas com a segunda dose de reforço da vacina contra a covid-19, anunciou, este sábado, a Direção-Geral da Saúde (DGS), ao adiantar que todos os lares elegíveis já foram visitados para vacinação.

"Mais de 200 mil pessoas acima dos 80 anos, bem como residentes de Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas (ERPI), já receberam a segunda dose de reforço contra a covid-19. De acordo com os dados registados, até ao final do dia de ontem [sexta-feira], 03 de junho, já tinham sido vacinadas 205.521 pessoas, tendo sido já visitadas todas as ERPI elegíveis", confirmou a DGS.

O processo de administração da segunda dose de reforço para idosos com mais de 80 anos ou mais e todos os residentes em lares começou no dia 16 de maio. Os agendamentos estão a ser feitos de forma local, por SMS ou telefone, tal como acontecia noutras fases da vacinação, ao mesmo tempo que estão “a ser convocados todos aqueles que ainda não fizeram a primeira dose de reforço e se encontram elegíveis".

O processo de vacinação decorre nos centros de vacinação ou nos centros de saúde.

"A população elegível para esta segunda dose deve ser vacinada com um intervalo mínimo de quatro meses após a última dose ou após um diagnóstico de infeção por SARS-CoV-2, ou seja, este reforço abrange também as pessoas que recuperaram da infeção", explica a DGS.

Os comentários estão desactivados.