Internacional

Ataque a igreja na Nigéria matou mais de 50 pessoas

O massacre ocorreu na manhã de domingo na cidade de Owo, na paróquia de São Francisco.

Ataque a igreja na Nigéria matou mais de 50 pessoas

Um ataque realizado neste domingo por homens armados contra uma igreja católica no estado de Ondo, a sudoeste da Nigéria, matou mais de 50 pessoas, informou esta segunda-feira o Conselho de Leigos Católicos do país africano. O massacre ocorreu pela manhã na cidade de Owo, na paróquia de São Francisco.

"Mais de cinquenta paroquianos da Igreja Católica de São Francisco, em Owo, estado de Ondo, foram mortos por homens armados que se suspeita sejam bandidos", disse Henry Yunkwap, presidente nacional do Conselho de Leigos Católicos da Nigéria, em comunicado. "O crime cometido pelos mortos foi apenas dois: um, eles eram cristãos e, segundo, porque estavam na igreja no domingo adorando a Deus." Yunkwap exigiu "ação e a prisão urgente e julgamento dos perpetradores do ato maligno".

"O que as vítimas agora querem do governo para que as suas almas descansem em paz é a certeza de que os seus assassinos serão presos e tratados de acordo com as leis do país", salientou. 

Por sua vez, o deputado Oluwole Ogunmolasuyi, eleito pelo estado de Ondo disse que o número de vítimas mortais poderá ser maior e chegar entre 70 e 100, segundo escreve o jornal The Premium Times. "Devemos esperar um número de mortos entre 70 e 100. Eu vi mais de 20 mortes, especialmente crianças", afirmou o deputado,.

 

Os comentários estão desactivados.