Vinagrete 22.06.22

Jornalismo racista

Sempre que há um crime, também temos e tendência de o atribuir a uma etnia minoritária, para felicidade do  Sr. Ventura, por imaginarmos, com ou sem razão, que a informação sobre o criminoso seria normalmente dada, se pudesse o crime ser atribuído a uma etnia maioritária.

Jornalismo racista

Vem isto a propósito da última Pandemia, a da varíola dos macacos, que dizem atingir sobretudo (ou exclusivamente, até ao momento) os homossexuais negros, mas nada disso transparece das notícias.

Porque, na opinião de certos jornalistas, os encarregados do assunto preferem fazer jornalismo de causas (deixemos-lhes o benefício de agirem assim idealisticamente), em vez darem a informação.

Claro que este tipo de jornalismo é racista, sem o querer ser. Sempre que há um crime, também temos e tendência de o atribuir a uma etnia minoritária, para felicidade do  Sr. Ventura, por imaginarmos, com ou sem razão, que a informação sobre o criminoso seria normalmente dada, se pudesse o crime ser atribuído a uma etnia maioritária.

Seria bom que o jornalismo deixasse de querer ser de causas, que actualmente não faz sentido num país como Portugal, para ser apenas de informação, como é sua função, e remetesse as causas para a gente dos partidos.

Os comentários estão desactivados.