Sociedade

Bebé encontrado no lixo no domingo já estaria morto quando nasceu

O caso está relacionado com uma jovem, de 22 anos, que, cerca de três horas antes, tinha sido transportada para o Hospital Amadora-Sintra em estado grave, com hemorragias.


O bebé encontrado no lixo este domingo, no Casal da Barôta, em Belas, Sintra, com cerca de sete meses de gestação, já estava morto quando nasceu, revelam os resultados da autópsia. 

De acordo com o Correio da Manhã, dessa forma não se trata de um caso de homicídio. 

O caso está relacionado com uma jovem, de 22 anos, que, cerca de três horas antes, foi transportada para o Hospital Amadora-Sintra em estado grave, com hemorragias. A mulher apresentava sinais de ter dado à luz recentemente mas não se sabia do paradeiro do bebé. 

Depois de o recém-nascido ter sido encontrado, o avô da criança começou por dizer que foi ao lixo deitar fora toalhas, acabando depois por confessar que foi ele a meter lá a criança, escreve o órgão supramencionado. 

A Polícia Judiciária está a "tentar perceber os contornos da situação". 

Os comentários estão desactivados.