Cultura

Morreu o encenador Peter Brook

“Melhor encenador Londres não tem”, escreveram os críticos sobre a sua peça “Lindos Dias”, de Samuel Beckett.


O encenador Peter Brook, um dos mais influentes do século XX, morreu este sábado aos 97 anos.

Nasceu no Reino Unido mas fez grande parte da carreira em França, onde decidiu instalar-se no final dos anos 60, depois de ter dirigido alguns dos melhores atores da altura, como Laurence Olivier e Orson Welles.

Foi naquele país que encenou peças monumentais, pautadas pelo exotismo e com atores de diferentes culturas.

A mais conhecida é “O Mahabharata”, epopeia de nove horas da mitologia hindu, adaptada ao cinema em 1989.

Nos anos 90, no Reino Unido foi muito elogiado por “Lindos Dias”, de Samuel Beckett. “Melhor encenador Londres não tem”, escreveram os críticos na altura.

Os comentários estão desactivados.