Sociedade

Dois detidos em operação de combate à fraude no SNS

Detidos vão ser presentes à autoridade judiciária competente para aplicação das medidas de coação adequadas. 


Duas pessoas que exercem atividades profissionais no sistema de saúde foram detidas pela Polícia Judiciária (PJ), através da Diretoria do Sul, na sequência de um inquérito tutelado pela Procuradoria do Juízo de Competência Genérica de Ourique, e com a colaboração do INFARMED.

Em comunicado, a autoridade informa que foram realizadas cinco buscas (domiciliárias e não domiciliárias), e que, no âmbito do inquérito, se está a investigar a "factualidade suscetível de consubstanciar a prática pelos ora detidos, dos crimes de Burla Qualificada e Falsificação ou Contrafação de Documento, com vista à obtenção do recebimento de comparticipações elevadas, indevidas, pelo Serviço Nacional de Saúde, através da emissão de receituário médico fraudulento".

Os detidos vão ser presentes ao primeiro interrogatório judicial de arguido detido para a aplicação das medidas de coação adequadas.

Os comentários estão desactivados.