Internacional

Bomba artesanal atinge edifício de grupo de comunicação grego

"Qualquer tentativa de intimidar vozes jornalísticas 'cai em saco roto'. Qualquer ataque a jornalistas é absolutamente condenável", disse o gabinete do primeiro-ministro, em comunicado.


FM-Real, um grupo de comunicação da Grécia, foi na madrugada desta quarta-feira atingida por uma bomba artesanal, provocando o incêndio. Não houve vítimas mortais nem feridos. 

O engenho era composto por três cartuchos de gás presos com fita adesiva, segundo diz a imprensa grega, e foi encontrado na escada exterior do prédio entre o piso térreo e o primeiro andar. Os escritórios do grupo de comunicação encontram-se no primeiro e no segundo andar.

O primeiro-ministro grego, o conservador Kyriakos Mitsotakis, e como o líder da oposição, o esquerdista Alexis Tsipras, conversaram por telefone com o diretor do grupo de comunicação, Nikos Khatzinikolau, para manifestar o seu apoio e pesar pelo sucedido. "Qualquer tentativa de intimidar vozes jornalísticas 'cai em saco roto'. Qualquer ataque a jornalistas é absolutamente condenável", disse o gabinete do primeiro-ministro, em comunicado.

As chamas provocadas pela bomba foram extintas, sendo que o fogo conseguiu chegar ao terceiro piso, no qual se encontram outros escritórios. 

 

Os comentários estão desactivados.