Internacional

Está a ser criada uma nova ordem mundial "mais justa", diz Putin

"Aproxima-se uma nova era, uma nova etapa na história mundial. Só os Estados verdadeiramente soberanos podem garantir uma dinâmica de alto crescimento", disse o líder russo. 

Está a ser criada uma nova ordem mundial "mais justa", diz Putin

Vladimir Putin afirmou esta quarta-feira que o Ocidente não tem um modelo de futuro para oferecer ao mundo e considera que se está a criar uma nova ordem mundial "mais justa".

"O Ocidente não pode pode oferecer ao mundo o seu modelo de futuro. A nível local e global, estão a construir-se os alicerces e os princípios de uma ordem mundial harmoniosa e mais justa, socialmente orientada e segura, uma alternativa ao existente", disse o Presidente da Rússia, em Moscovo. 

A nova ordem mundial de que o líder russo fala é, disse, suficiente para substituir um mundo unipolar, que "pela sua natureza trava o desenvolvimento da civilização", acrescentando que as elites do ocidente "têm pânico" de que outros centros de desenvolvimento mundial apresentem outros modelos. 

Por fim, rematou: "Não interessa o quanto se esforcem as elites ocidentais e as chamadas supranacionais para manter a ordem existente. Aproxima-se uma nova era, uma nova etapa na história mundial. Só os Estados verdadeiramente soberanos podem garantir uma dinâmica de alto crescimento".

Os comentários estão desactivados.