Economia

Galp. Lucro dispara 153% para 420 milhões no primeiro semestre

No semestre, o investimento líquido foi de "365 milhões de euros, maioritariamente direcionado" para o desenvolvimento do 'upstream' e da execução do portfólio das renováveis. Já a dívida líquida diminuiu 173 milhões de euros, quando comparada com um ano antes.

Galp. Lucro dispara 153% para 420 milhões no primeiro semestre

Os lucros da Galp subiram 153% no primeiro semestre, face a igual período de 2021, para 420 milhões de euros. A petrolífera explica os resultados com um "desempenho operacional robusto", nomeadamente nas atividades de 'upstream', refinação e renováveis", revelou à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). Nos primeiros seis meses de 2021, o lucro tinha sido de 166 milhões de euros. 

O resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações (EBITDA) ajustado foi de 2.114 milhões de euros, um aumento de 97% face a igual período de 2021, e no segundo trimestre ascendeu a 1.244 milhões de euros, valor que compara com 571 milhões de euros um ano antes.

No segundo trimestre, o 'upstream' [exploração e produção de petróleo e gás] correspondeu à maior fatia do EBITDA - 878 milhões de euros -, que beneficiou do "ambiente macro favorável", seguida da área de gestão industrial e energia (a qual inclui a refinação), com 283 milhões de euros, e a comercial, com 97 milhões de euros.

Os novos negócios e renováveis não registaram um EBITDA ajustado relevante "já que a maioria das operações não são consolidadas".

No semestre, o investimento líquido foi de "365 milhões de euros, maioritariamente direcionado" para o desenvolvimento do 'upstream' e da execução do portfólio das renováveis. Já a dívida líquida diminuiu 173 milhões de euros, quando comparada com um ano antes.

No final do semestre, a dívida líquida era de 2185 milhões de euros.

A empresa liderada por Andy Brown recorda que em 12 de maio deu início ao plano de recompra de ações próprias, onde se propôs investir até 150 milhões de euros. No final de junho, tinha adquirido mais de 3,4 milhões de ações (equivalente a 0,43% do capital), no total de 40 milhões de euros.

Em termos de perspetivas de curto prazo, a Galp Energia prevê que na segunda metade do ano o preço médio do barril de Brent seja de 90 dólares e a margem de refinação 15 dólares.

Os comentários estão desactivados.