Internacional

Parlamento de Montenegro aprova com maioria adesão da Suécia e Finlândia à NATO

O ministro dos Negócios Estrangeiros montenegrino, Ranko Krivokapic, deu "as boas-vindas à Suécia e à Finlândia" na rede social Twitter. 


O parlamento de Montenegro ratificou, na noite de quinta-feira, por grande maioria os protocolos de adesão da Suécia e da Finlândia à NATO pedidos por estes países em maio.

Segundo o site local Vijesti, 57 dos 81 membros do parlamento votaram a favor da ratificação, três votaram contra e 11 abstiveram-se.

Montenegro é agora o 20.º Estado a ratificar a adesão dos dois países à Aliança Atlântica, indicaram os meios de comunicação locais.

Hoje, no Twitter, o ministro dos Negócios Estrangeiros montenegrino, Ranko Krivokapic, disse que o seu país “dá as boas-vindas à Suécia e à Finlândia", notando que dois terços do parlamento apoiou os protocolos de adesão.

Note-se que o pequeno país dos Balcãs é membro da NATO desde 2017 e é candidato à adesão à União Europeia (UE).

Na última cimeira da NATO, em finais de junho na capital espanhola de Madrid, os líderes dos países membros concordaram em convidar as duas nações nórdicas a aderir à Aliança, após a Turquia ter levantado o seu veto, que poderia influenciar as duas entradas.

Os comentários estão desactivados.