Economia

Conheça as 10 casas mais caras que estão à venda

Nem todos terão dinheiro para comprar uma das 10 casas mais caras do país. Mas o luxo é garantido.

Conheça as 10 casas mais caras que estão à venda

Por Daniela Soares Ferreira e Sónia Pinto Peres 

O dinheiro pode não ser suficiente para adquirir uma das 10 casas mais caras do país mas sonhar não custa e elas existem. Mansões, palacetes e herdades fazem parte do leque de casas de luxo disponíveis um pouco por todo o país que prometem, pelo menos, fazer sonhar quem visita estes anúncios. Piscinas, belas vistas e espaço para famílias inteiras são algumas das regalias que estas casas podem oferecer. A maioria concentra-se nas regiões de Lisboa e Algarve, mas não só.

A casa mais cara de Portugal, segundo os dados do idealista, encontra-se no Algarve.

Trata-se de uma moradia em frente ao mar, na zona de Sesmarias, em Albufeira. Situada num terreno de 5289 metros quadrados, a casa dispõe de 407 metros quadrados e conta com cinco quartos, lareira e piscina em estilo infinito com cascata, decorada com um mosaico feito sob encomenda. O preço? Apenas 24,5 milhões de euros.

Já a casa que se encontra em segundo lugar desta lista fica no distrito de Lisboa, mais concretamente em Cascais, na Quinta da Marinha. Aqui também o mar é rei, uma vez que a vista é para o Atlântico. Trata-se de uma moradia com um grande espaço exterior com piscina e espaçosas áreas, quatro suítes, lavandaria, sala, escritório, cozinha equipada, despensa, sala de tratamento de roupas, balneário e garagem para quatro carros. O preço é ligeiramente mais acessível que a mansão anterior: 16 milhões de euros para 900 metros quadrados úteis.

A fechar o top três continuamos em Cascais, na Quinta Patino. Conta com um terreno de 4950 metros quadrados e uma área de construção de 1322 metros quadrados. “Esta fantástica moradia, de arquitetura contemporânea, dispõe de elevador, ginásio, sauna, banho turco, piscina interior, garrafeira e garagem para oitos carros”. Mas não só. Conta ainda com um apartamento para caseiros com acesso independente. O preço são 14.750.000 euros.

Em quarto lugar voltamos a rumar até ao Algarve. A quarta casa mais cara do país situa-se na Quinta do Lago. São seis quartos e nove casas de banho. Mas, melhor que isso, dispõe de um rooftop com bar totalmente equipado, e todos os andares estão acessíveis por elevador. Dispõe ainda de sala de cinema, sauna, piscina exterior, jacuzzi e jardins paisagísticos. Tudo pela módica quantia de 14,75 milhões de euros.

Continuamos na Quinta do Lago onde a casa seguinte tem um custo de 14,5 milhões de euros. Com vista previligiada sobre a Reserva Natural da Ria Formosa, lagos e mar, a área de estar tem acesso direto ao terraço coberto, piscina e jardim. E com um bónus: as áreas externas com terraços, piscina e jardim paisagístico estendem-se até o lago.

Fechamos o top 5 mas ainda não saímos da Quinta do Lago. Trata-se de uma mansão com 11 quartos, 10 casas de banho, uma sala de escritório, sala de jogos com bar, ginásio, sauna, banho turco, campo de ténis, videovigilância e domótica, piscina e jardins. Nesta casa para a família toda, o preço a desembolsar são 14,5 milhões de euros.

Segue-se uma moradia independente em Paço de Arcos, Terrugem. Uma moradia, vá. Um palácio. Ou quase. A Quinta do Relógio é composta por um palácio, uma Torre do Relógio e por diversas construções acessórias, perfazendo na sua totalidade cerca de 40 divisões. É datada do século XIX e foi construída em 1860, sob a direcção do Arquitecto Cinatti de Siena. Foi residência de Sua Alteza Real, el Rei D. Fernando II.

O anúncio revela que “o edifício principal dispõe-se em duas plantas com traça de proporções palacianas e elementos singulares como a simetria das plantas, a sequência dos espaços formados por alpendre, hall de entrada e escadaria iluminados por clarabóia Três salas com vista de mar e acesso direto ao jardim”. Pelo custo de 12,5 milhões de euros.

Os últimos três lugares pertecem a uma moradia T5 na Praia da Luz, no Algarve, por 12,5 milhões de euros. O 9.º lugar vai para uma moradia T6 em Malveira da Serra por 10 milhões e, a fechar, uma moradia T5 na Ponte da Calheta por 9,98 milhões de euros.  

Os comentários estão desactivados.