Internacional

EUA anunciam maior pacote de armamento para Kiev até agora, avaliado em 982 milhões de euros

No total, a administração do Presidente Joe Biden forneceu nove mil milhões de dólares (8,8 mil milhões de euros) à Ucrânia desde o início da guerra. 


Os Estados Unidos da América (EUA) anunciaram esta segunda-feira um pacote de fornecimento da armas à Ucrânia avaliado em mil milhões de dólares (982 milhões de euros). É o maior até hoje e inclui novos lança foguetes High Mobility Artillery Rocket Systems (HIMARS), lança-mísseis antitanque Javelin e outras munições e equipamento.

Citado pela agência de notícias Associates Press (AP), comandantes militares e outros responsáveis oficiais norte-americanos consideram que os HIMARS, assim como os sistemas de artilharia, têm sido cruciais para impedir que as tropas russas conquistem mais território nas zonas de conflito na Ucrânia. 

Este novo pacote surge numa altura em que analistas indicam que está a haver uma movimentação de tropas e equipamento das forças russas em direção a cidades portuárias do sul do país, com o objetivo de enfrentar uma anunciada contraofensiva ucraniana.

No total, a administração do Presidente Joe Biden forneceu nove mil milhões de dólares (8,8 mil milhões de euros) à Ucrânia desde o início da guerra. 

“Em cada fase do conflito, estamos focados em fornecer aos ucranianos aquilo que necessitam, dependendo da evolução das condições no campo de batalha”, indicou Colin Kahl, subsecretário da Defesa para assuntos políticos, ao anunciar o novo carregamento.

 

Os comentários estão desactivados.