Sociedade

Veículo dos bombeiros de Loures capota a caminho do incêndio em Celorico da Beira

Cinco bombeiros ficaram feridos, dos quais dois com gravidade. 

Veículo dos bombeiros de Loures capota a caminho do incêndio em Celorico da Beira

Um veículo dos bombeiros de Loures, que se encaminhava para reforçar os apoios no combate ao incêndio em Celorico da Beira, na Guarda, capotou, provocando cinco feridos, dos quais dois estão em estado grave.

Segundo a SIC, as vítimas do acidente serão transportadas por um helicóptero do INEM para uma unidade hospitalar.

No interior do veículo, de acordo com a CNN Portugal, seguiam cinco bombeiros. Um dos feridos graves terá sofrido um traumatismo cranioencefálico, com ainda uma hemorragia interna.

O incêndio que começou no sábado, em Garrocho, no concelho de Covilhã, alastrou-se na manhã desta quinta-feira para o concelho de Celorico da Beira (Guarda), sendo a situação estará mais complicada na freguesia de Carrapichana.

Segundo disse o presidente da Câmara de Celorico da Beira, Carlos Ascensão, à agência Lusa, o fogo entrou no concelho devido a reacendimento “com uma grande intensidade”, tornando-se “incontrolável pelo vento, chamas e falta de resposta”.

Desde sábado, portanto há cinco dias, que as chamas estão a lavrar os concelhos da Covilhã (distrito de Castelo Branco) e de Manteigas. A partir da tarde de ontem, o fogo atingiu Gouveia e Guarda e hoje já está em Celorico da Beira.

Os comentários estão desactivados.