Brasil Presente

Família Bolsonaro dividida

O vereador no Rio, desde os 21 anos, Carlos, cuida das mídias sociais do pai, é controvertido até mesmo na família. Acusado de ser o inspirador do ‘sindicato do ódio’, está em Brasília até a eleição e cuida apenas das mídias sociais.

Família Bolsonaro dividida

Negrão de Lima, o grande político brasileiro – e embaixador em Lisboa – costumava dizer que quanto menor a família, menos problemas para o político. Seria o caso do Presidente Bolsonaro, que tem tido problemas com seus filhos homens, que são quatro. Três com mandatos populares eleitos pela marca Bolsonaro.

O vereador no Rio, desde os 21 anos, Carlos, cuida das mídias sociais do pai, é controvertido até mesmo na família. Acusado de ser o inspirador do ‘sindicato do ódio’, está em Brasília até a eleição e cuida apenas das mídias sociais.

Discorda da orientação do irmão Flávio, que é senador pelo Rio, que compõe o comando da campanha. Este é o mais político e de melhor trânsito entre todos, mas foi imprudente ao comprar uma casa de alto nível em Brasília tão logo assumiu o mandato, sendo que os senadores têm um apartamento funcional de 300 metros quadrados. Eduardo é deputado por São Paulo, inteligente e ponderado.

Sua entrevista há semanas aqui, no Nascer do SOL, foi positiva. Mas chegou a sonhar em ser embaixador nos EUA, o que encontrou tantas resistências que o pai recuou do intento. 

O quarto, Renan, mais moço, tem sido motivo de acusações, insinuações e investigações e se mudou com a mãe de um modesto apartamento, para uma casa em zona nobre da capital. Os filhos são de dois diferentes casamentos e a única filha do atual casamento. No núcleo familiar, a mulher, Michelle, é que tem postura mais discreta, educada e, sendo de origem modesta, é mais conceituada do que as anteriores, de classe média. Não usa joias e se veste de maneira muito correta, não desperta polémicas. 

A sorte do Presidente é que seu opositor, Lula da Silva, tem problemas com um filho, Fábio, que de nutricionista do Jardim Zoológico de São Paulo passou a empresário de sucesso no período em que o pai foi Presidente. Todos os demais vivem muito bem. Qualquer um dos filhos tem património – ou de uso – superior ao do pai. E a falecida mulher, D. Marisa Letícia, ao morrer, teria deixado mais de dois milhões de euros equivalentes em aplicações financeiras.
Negrão de Lima sabia das coisas.
 
VARIEDADES

• As mulheres representam mais da metade do eleitorado que irá às urnas no Brasil em outubro. Por isso, a senadora Simone Tebet terá como companheira de chapa outra senadora, Mara Gabrilli, que tem grande atuação na legislação que protege deficientes. Ela sofreu um acidente aos 26 anos que a fez tetraplégica. Ciro Gomes também escolheu uma mulher, a vice-prefeita de Salvador, Ana Paula. Bolsonaro não quis ouvir os políticos e impôs aos partidos que o apoiam como vice um oficial general do Exército, Braga Netto.

• A esquerda não tem o monopólio do querer o bem – declarou em entrevista o executivo Fabio Barbosa, que vem de assumir o grupo Natura, uma multinacional brasileira dona das marcas Avon e The Body Shop, entre outras, na área de cosméticos. No Brasil, emprega 35 mil pessoas. O ex-presidente do Santander no Brasil apoia a senadora Simone Tebet.

• Os investimentos em óleo e gás, nos próximos três anos, deve ficar em cerca de 20 mil milhões de euros no Brasil. O país tem condições de triplicar sua produção de gás no período.

• O futuro Governo deverá enfrentar a questão da dependência brasileira nos medicamentos, hoje importados na sua maioria, e nos chips, cuja falta vem prejudicando importantes setores industriais, como o automobilístico.

• Semanas antes de completar cem anos, faleceu o ex-ministro da Fazenda Ernane Galvêas, que atuava na Confederação do Comércio até seus últimos dias. Outra morte sentida foi a de Jô Soares, popular na TV, no teatro e na literatura.

• O turismo no Rio volta a níveis razoáveis, mas ainda com preços baixos. A diária média nos três estrelas de Copacabana está por volta dos cinquenta dólares, mas os cinco estrelas já com diárias superiores a quatrocentos dólares. 

Os comentários estão desactivados.