Conteúdo Patrocinado

"Abordagem chinesa" promove "Iniciativa de Desenvolvimento Global"

Xi Jinping apresentou agora quatro propostas de acção neste domínio: moldar um ambiente favorável ao desenvolvimento, revitalizar a parceria de desenvolvimento, promover o processo de globalização económica e insistir no impulso à inovação.


Conteúdo Patrocinado. Artigo publicado em parceria com a Associação Portuguesa de Imprensa

Na intervenção que fez, por videoconferência, no 25.º Forum Económico Internacional de São Petersburgo, o Presidente Xi Jinping voltou a sublinhar a necessidade de promover a “Iniciativa de Desenvolvimento Global”, de forma a criar um futuro melhor de paz e prosperidade para todos.

Esta “Iniciativa de Desenvolvimento Global (que foi proposta pelo Presidente chinês na 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU, em Setembro de 2021), baseada na construção de uma comunidade global de desenvolvimento e alinhada com as necessidades dos países para uma recuperação mais rápida da pandemia, obteve apoios das Nações Unidas e de mais de 100 países, e foi reconhecida como um “acelerador” para a realização da Agenda 2030 da ONU para o Desenvolvimento Sustentável.

Xi Jinping apresentou agora quatro propostas de acção neste domínio: moldar um ambiente favorável ao desenvolvimento, revitalizar a parceria de desenvolvimento, promover o processo de globalização económica e insistir no impulso à inovação.

Esta intervenção veio mostrar, de forma clara, a “abordagem chinesa” da Iniciativa Global, de forma a que a comunidade internacional alcance um desenvolvimento mais justo, sustentável e seguro.

Numa altura em que a pandemia ainda continua a propagar-se pelo Mundo, o conflito entre a Rússia e a Ucrânia veio agravar a instabilidade internacional, e as sanções impostas à Rússia pelo Ocidente tiveram um enorme impacto na cadeia industrial global, na cadeia de abastecimento, na energia, nas finanças e na segurança alimentar.

Neste contexto, Xi Jinping apelou à implementação da “Iniciativa de Desenvolvimento Global" e fez propostas concretas para dar resposta urgente às expectativas de desenvolvimento comum. Segundo o Presidente chinês, isso dará um impulso para que o mundo, especialmente os países em desenvolvimento, recuperem da pandemia.

A China garantiu que continuará a promover o desenvolvimento com alta qualidade, expandindo a abertura do programa “Uma Faixa, Um Rota”, estimulando acções que beneficiarão todos os países do Mundo de uma forma mais equitativa.

Os comentários estão desactivados.