Internacional

Trabalhador de restaurante mata cliente com um murro depois de este se queixar do seu pedido

Agressão ocorreu a 26 de julho, nos Estados Unidos, tendo o homem morrido uma semana depois no hospital. 


Um trabalhador da cadeia de restaurantes de fast-food Wendy's foi acusado de homicídio, no estado do Arizona, nos Estados Unidos, depois de ter dado um murro a um cliente de 67 anos e tendo esta agressão vindo a causar a sua morte. 

De acordo com um departamento de polícia de Prescott Valley, citado pela NBC News, o empregado, Antoine Kendrick, de 35 anos, estava a trabalhar ao balcão no dia 26 de julho quando registou o pedido do cliente pelas 16h40 locais. Mas o que era apenas um pedido comum, tornou-se num episódio violento quando a vítima se queixou do seu pedido. 

Nas câmaras de vigilância é possível ver o idoso a lamber um gelado, quando Kendrick sai de trás do balcão e lhe dá um murro na cabeça. "O cliente caiu no chão, bateu com a cabeça e ficou inconsciente", adiantou a polícia.

O homem foi entretanto transportado para o hospital e ficou em estado crítico, até morrer a 5 de agosto, uma semana após o ataque. 

O trabalhador do restaurante foi detido e inicialmente, foi acusado de agressão. Já depois da morte da vítima, Kendrick, que continua em prisão priventiva, foi acusado de homicídio em segundo grau. 

 

 

Os comentários estão desactivados.