Sociedade

Incêndio na serra de Alvão reativado esta manhã

As chamas voltaram a queimar mato, desta vez no alto da serra, numa zona da aldeia de Lamas de Olo, no Parque Natural do Alvão.


O incêndio que deflagrou no domingo na Samardã, no distrito de Vila Real, e que encontrou em fase de resolução ao inicio da noite de segunda-feira reativou-se hoje de manhã na zona da serra de Alvão.

As chamas voltaram a queimar mato, desta vez no alto da serra, numa zona da aldeia de Lamas de Olo, no Parque Natural do Alvão.

De acordo com a fonte da Proteção Civil disse à agência Lusa, o incêndio acontece numa zona de mato e de difíceis acessos, perto de um parque eólico, onde “os ventos são desfavoráveis”.

Segundo o site da Proteção Civil, consultado pelo Nascer do Sol às 13h46, estavam envolvidos 348 bombeiros, apoiados por 103 veículos e seis meios aéreos.

O presidente da Câmara de Vila Real, Rui Santos, apontou para uma área ardida neste incêndio perto dos 4.500 hectares maioritariamente de mato e algum pinhal, segundo os dados ainda provisórios.

Os comentários estão desactivados.