Internacional

Rei Carlos III homenageia Rainha Isabel II: "À minha querida mamã quero dizer apenas obrigado"

Rainha Isabel II “comprometeu-se a servir o seu povo”, lembrou o agora Rei Carlos III, acrescentando que o reinado “foi um compromisso pessoal, que marcou toda a sua vida. Fez sacrifícios, dedicou-se (…) e nunca vacilou durante o seu tempo de serviço".

Rei Carlos III homenageia Rainha Isabel II: "À minha querida mamã quero dizer apenas obrigado"

Rei Carlos III fez o primeiro discurso à nação após a morte da Rainha Isabel II, que faleceu na quinta-feira à tarde, começando por destacar "o compromisso" e o "exemplo" da sua mãe para com a Coroa britânica. 

A Rainha Isabel II “comprometeu-se a servir o seu povo”, lembrou o agora Rei Carlos III, acrescentando que o reinado “foi um compromisso pessoal, que marcou toda a sua vida. Fez sacríficios, dedicou-se (…) e nunca vacilou durante o seu tempo de serviço.”

“Na sua vida de serviço", disse ainda, "em conjunto com o abraço do progresso, que nos faz enormes enquanto nação, o afeto e respeito tornaram-se emblemáticos do seu reinado", relembrando também a tensão política e social que ainda se vivia na altura em que a sua mãe assumiu a função de líder da família real britânica. “Quando assumiu o trono, o país ainda estava a viver com os constrangimentos da Segunda Guerra Mundial”. 

“Nessa fé e nos valores que inspira fui inspirado a ter um sentido de serviço para com os outros. Como a Rainha fez com tanta devoção, também agora me comprometo, no tempo que Deus me conceda”, prometeu o novo rei. 

Com os olhos agora apontados para o futuro, o monarcanão esqueceu Camila, sublinhando que é uma mulher que irá "estar à altura do seu novo papel", de rainha de consorte, e do seu filho mais velho, William, que "agora assume o título de príncipe de Gales, frisando: “Hoje estou orgulhoso de criar um novo Príncipe de Gales".

Ao seu filho mais novo e à sua mulher, o Rei também teceu palavras afetuosas, expressando o seu "amor por Harry e Meghan, que continuam a construir a suas vidas no estrangeiro". 

Por fim, e a terminar como começou, o filho da Isabel II deixou as suas últimas palavras de agradecimento à sua mãe:“À minha querida mamã quero deixar apenas obrigado”, que se junta agora ao pai, Filipe, o Príncipe de Edimburgo, que morreu no ano passado. 

Os comentários estão desactivados.