Economia

OE 2023. Medina garante medidas de reforço da capitalização das empresas

Ministro das Finanças diz que esta é uma “resposta adequada” e que o Governo tem vindo a trabalhar e que vai apresentar medidas “concretas e efetivas”.

OE 2023. Medina garante medidas de reforço da capitalização das empresas

Os apoios para as famílias portuguesas para combater a escalada da inflação já foram anunciados e, numa altura em que se espera o anúncio do Governo no que diz respeito às empresas, o ministro das Finanças garantiu esta terça-feira que o próximo Orçamento do Estado (OE) para 2023 vai ter medidas no âmbito do reforço da capitalização as empresas.

Fernando Medina considera ainda que esta é uma “resposta adequada” num momento de subida das taxas de juro.“O que será um pilar no próximo Orçamento do Estado na dimensão associada ao reforço estrutural da economia que é a centralidade que” será dada “aos instrumentos de reforço de capitalização as empresas”, prometeu o Ministro das Finanças na sessão de abertura do lançamento no novo website do Guia do Emitente.

“A resposta adequada ou a oportunidade que se abre num momento de subida das taxas de juro é sabermos transmitir uma mensagem muito clara a todo o setor económico e produtivo que é essencial o reforço da base de capitais próprios”, não apenas no que diz respeito à estabilidade das empresas, mas também ao desenvolvimento de projetos futuros e solidez do sistema financeiro, reforçou Medina que, ainda assim, não entrou em grandes detalhes sobre o assunto.

Mas deixou ainda a garantia que os apoios às empresas são uma área onde o Governo “tem vindo a trabalhar” e que vai apresentar medidas “concretas” e “efetivas”.

 

Os comentários estão desactivados.