Internacional

Moçambique declara três dias de luto nacional pela morte de Isabel II

Tempo de luto começa no sábado e dura até segunda-feira. 


O governo de Moçambique decretou esta quarta-feira três dias de luto nacional na sequência da morte da Rainha Isabel II, começando no próximo sábado e terminando na segunda-feira, anunciou o porta-voz do Conselho de Ministros.

Filipe Nyusi, o Presidente moçambicano, ja havia escrito que a monarca "entregou a sua vida inteira ao mundo com grande paixão", salientando o "carinho e respeito" que merecia do povo do país africano.

Ambos os países tiveram boas relações diplomáticas durante o longo reinado da Rainha Isabel II, com Moçambique estando filiado na Commonwealth como membro de pleno direito, destacou Nyusi numa mensagem de condolências divulgada no passado dia nove. 

Note-se que Moçambique entrou na Commonwealth em 1995, apesar de não ter sido colónia do império britânico, mas de os seus vizinhos o terem sido, tendo por isso apoiado a decisão. 

 

 

Os comentários estão desactivados.