Sociedade

Ana Mendes Godinho reage ao caso da idosa com o corpo cheio de formigas num lar em Boliqueime

Foi divulgado um vídeo da idosa, um mês antes de morrer, acamada e coberta de formigas. 


A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, reagiu esta quinta-feira ao caso da idosa filmada com o corpo cheio de formigas num lar da Santa Casa da Misericórida em Boliqueime, Loulé.

"Naturalmente, é um caso de uma gravidade que se tem de verificar e tirar todas as averiguações que é preciso. A Segurança Social tinha tido uma denúncia no início deste mês e, logo após a denúncia, desencadeou averiguações - que está a fazer - até já com a participação do Ministério Público"

"Tomei conhecimento do caso, pedi informações, e a Segurança Social informou-me que lhes tinha sido comunicado no início do mês a situação e tinha agido para averiguações mal tinha tido conhecimento", disse a governante.

Para Ana Mendes Godinho é necessário averiguar a situação "até às últimas circunstâncias" para perceber tudo o que se passou. 

Ainda esta quinta-feira a provedora da Santa Casa da Misericódia de Boliqueime admitiu estar chocada com o vídeo que foi tornado público nas redes sociais, que mostra a idosa acamada coberta de formigas um mês antes de morrer, e garantiu que a instituição está a investigar o caso para perceber quem foram os culpados da situação de "negligência": 

 

 

 

Os comentários estão desactivados.