Internacional

Pelo menos 24 civis foram encontrados mortos a tiro em viaturas no nordeste da Ucrânia

Entre as vítimas estão 13 crianças e uma mulher grávida. 


Pelo menos 24 civis – entre as quais 13 crianças e uma mulher grávida – foram encontrados mortos a tiro em viaturas, no nordeste da Ucrânia, perto de Kupyansk, anunciou, este sábado, o governador regional, Oleg Synegoubov.

"Uma caravana de carros com civis mortos a bordo foi descoberta", adiantou o governador na conta da rede social Telegram, assinalando a morte de "24 pessoas, incluindo uma mulher grávida e 13 crianças".

"Os ocupantes [russos] atacaram os civis, que tentavam escapar do bombardeamento", revelou Synegoubov.

De acordo com a procuradoria-geral, o ataque envolveu sete carros, na caravana atingia pelas tropas russas, onde estavam crianças acompanhadas pelos pais.

Na sexta-feira, também foi identificado um ataque idêntico a este, onde pelo menos 11 corpos de civis, mortos a tiro nos seus carros, foram igualmente encontrados, numa caravana que fugia dos ataques russos, num local onde ocorreram recentemente confrontos entre as forças ucranianas e russas.

A contraofensiva ucraniana desenvolvida nos últimos dias tem levado os soldados russos a recuarem para leste, ao atravessarem o rio Oskil, onde estão a ser confrontados por forças de Kiev.

Já na quinta-feira, um oficial separatista pró-russo acusou o exército ucraniano de ter disparado contra uma caravana automóvel com civis, em Kharkiv, ataque este que terá resultado na morte de 30 pessoas.

Os comentários estão desactivados.