Internacional

Rússia diz estar "totalmente comprometida" em evitar guerra nuclear

Declarações surgem semanas após o polémico discurso de Vladimir Putin, que deixou no ar a possibilidade de uma ameaça nuclear. 

Rússia diz estar "totalmente comprometida" em evitar guerra nuclear

Maria Zakharova, porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Rússia, afirmou esta quinta-feira que o país está "totalmente comprometido com o princípio" de não 'alimentar' uma guerra nuclear. 

“Não pretendemos participar nesse terrível discurso dedicado a empolar a retórica nuclear. O grau aumenta cada vez mais, mas isso deve-se a estruturas e países centrados na NATO", disse a responsável, em conferência de imprensa.

Recorde que ainda ontem o chefe da diplomacia da União Europeia (UE) considerou que a guerra na Ucrânia entrou “numa fase perigosa” devido ao “cenário assustador” desencadeado pelas armas nucleares da Rússia.

Os comentários estão desactivados.