Sociedade

Homem em prisão preventiva por alegado abuso de crianças de 3 e 8 anos

Crianças, filhas de pais estrangeiros, estavam sozinhas num parque infantil. 


Um homem de 56 anos foi detido por alegado abuso sexual de dois irmãos, de 3 e 8 anos, num parque infantil localizado na Área Metropolitana do Porto, em julho, tendo ficado em prisão preventiva. 

De acordo com um comunicado divulgado pela Polícia Judiciária (PJ), o suspeito está "fortemente indiciado pela prática de crimes de abuso sexual de crianças".

As duas crianças, filhas de cidadãos estrangeiros, estavam sozinhas num parque infantil.

"O arguido, aproveitando-se do facto de as vítimas se encontrarem sozinhas num parque infantil próximo de casa, abordou as crianças com o propósito concretizado de as molestar sexualmente", lê-se na nota divulgada.

Segundo a autoridade, "as vítimas, quer pela sua pequena idade, quer pelo facto de serem filhos de cidadãos estrangeiros que não dominam a língua portuguesa, submeteram-se à situação abusiva, que mais tarde relataram aos progenitores".

Após várias diligências desenvolvidas através da Diretoria do Norte da PJ, o suspeito foi identificado, detido e presente ao primeiro interrogatório judicial, tendo ficado em prisão preventiva.

Os comentários estão desactivados.