Sociedade

Mulher detida no aeroporto de Lisboa depois de agredir tripulante de bordo

Mulher de 58 anos ficou com Termo de Identidade e Residência.


Uma mulher de 58 anos foi detida na madrugada de segunda-feira por agredir um tripulante de uma companhia aérea. 

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública (PSP) avança que a autoridade "foi chamada a bordo de aeronave a pedido do supervisor, onde havia reporte de agressão praticado por passageira a uma tripulante de voo".

"Do percebido, durante o voo, numa zona de turbulência, foi dada a ordem para os passageiros se manterem sentados, tendo a suspeita ignorado a ordem emanada, mantendo-se em pé e tendo agredido a tripulante com um telemóvel de sua propriedade", lê-se na nota esta terça-feira divulgada.

A passageira foi constituida arguida, ficando sob Termo de Identidade e Residência.

Depois de ser presente ao primeiro interrogatório judicial, na Instância Local Criminal de Lisboa - Secção de Pequena Criminalidade, foi-lhe decretada a suspensão provisória do processo.

Os comentários estão desactivados.