Economia

Inflação dispara para 10,2% e atinge novo máximo

Valor mais elevado dos últimos 30 anos.


A taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC), segundo as estimativas do INE, aumentou para 10,2% em outubro.

Esta subida de 0,9 pontos percentuais em relação ao mês passado, constitui o valor mais alto desde maio de 1992.

"Tendo por base a informação já apurada, a taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) terá aumentado para 10,2% em outubro, taxa superior em 0,9 pontos percentuais (p.p.) à observada no mês anterior e a mais elevada desde maio de 1992", informa o Instituto Nacional de Estatística (INE) em comunicado.

Recorde-se que no mês passado a taxa de inflação foi de 9,3%, já na altura o valor era o mais alto dos últimos 30 anos.

Os comentários estão desactivados.