Internacional

Rússia acusa Reino Unido de estar ligado às explosões nos dois gasodutos Nord Stream

Investigações que surgiram para apurar eventuais responsáveis davam conta de sabotagem, uma vez que os vazamentos foram precedidos por explosões.

Rússia acusa Reino Unido de estar ligado às explosões nos dois gasodutos Nord Stream

 A Rússia acusou este sábado o Reino Unido de estar envolvido nas explosões de setembro que danificaram os gasodutos Nord Stream 1 e 2 no mar Báltico, desenhados para encaminhar gás russo para a Europa.

“Representantes de uma unidade da Marinha britânica estiveram envolvidos no planeamento, fornecimento e execução do ato terrorista no Mar Báltico a 26 de setembro para minar os gasodutos Nord Stream 1 e Nord Stream 2”, escreveu o Ministério da Defesa da Rússia, na rede social Telegram, sem dais mais pormenores.

Recorde-se que no final de setembro, no dia 26, foram detetadas quatro grandes fugas naqueles gasodutos na ilha dinamarquesa de Bornholm, dois na zona económica sueca e dois na Dinamarca.

As investigações que surgiram para apurar eventuais responsáveis, sem a participação da Rússia, davam conta de sabotagem, uma vez que os vazamentos foram precedidos por explosões.

Os comentários estão desactivados.