Sociedade

Homem morre depois de ser atingido por balde de escavadora

Acidente ocorreu pelo 12h46 em Sines. 


Um homem com cerca de 55 anos morreu esta segunda-feira na sequência de um acidente de trabalho em Sines, no distrito de Setúbal, ao ser atingido por um componente de uma máquina escavadora numa exploração de areia.

De acordo com fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Setúbal à agência Lusa, o alerta para o acidente foi dado pelas 12h46, para um zona de extração de inertes, em Caiadas de Cima, no concelho de Sines, tendo o óbito sido declarado no local. 

O homem terá sido "atingido por um balde de uma máquina que servia para extração de areia", sendo o corpo posteriormente transportado para o serviço de Medicina Legal do Hospital do Litoral Alentejano (HLA), no concelho de Santiago do Cacém (Setúbal).

Hugo Cruz, comandante dos Bombeiros Voluntários de Sines, adiantou ainda à agência Lusa que a vítima, com "cerca de 55 anos", estaria "a desmontar umas peças da pá" da máquina escavadora quando aquela tombou, atingindo o homem "na zona do tórax".

"À chegada ao local foram feitas manobras de reanimação com o apoio da VMER [Viatura Médica de Emergência e Reanimação], mas o óbito foi declarado no local", explicou.

Já fonte da Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT), referiu que uma equipa da Unidade do Litoral e Baixo Alentejo daquele organismo estava a deslocar-se, pelas 14h30, para o local do acidente de trabalho, para "proceder a averiguações" sobre as causas do mesmo.

Segundo o CDOS, para o local foram mobilizados 10 operacionais dos bombeiros de Sines, GNR e Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), apoiados por cinco veículos, incluindo a VMER.

Os comentários estão desactivados.