Internacional

Sean Penn empresta o seu Óscar a Zelensky como "símbolo" de fé na vitória da Ucrânia

“Quando ganhar, traga-o de volta para Malibu”, disse o ator a Zelensky.


O ator Sean Penn voltou a visitar a Ucrânia, esta é a terceira vez desde o início da invasão russa em fevereiro, e levou um presente especial a Volodymyr Zelensky.

Sean Penn fez questão de entregar um dos seus Óscares, ganhou em 2004 e outro em 2009, ao Presidente ucraniano, no palácio presidencial, em Kiev.

"Sinto-me muito melhor ao saber que um pedaço de mim está aqui", disse o ator ao entregar a estatueta dourada, que ficará no país até ao fim da guerra.

“É apenas uma coisa simbólica”, disse, acrescentando – dirigindo-se a Zelensky - “Quando ganhar, traga-o de volta para Malibu”.

“Desta vez o nosso encontro foi especial. Sean trouxe a sua estatueta dos Óscares como um símbolo da vitória do nosso país. Vai permanecer na Ucrânia até ao final da guerra”, revelou o Presidente Volodymyr Zelensky numa publicação no Telegram.

Por seu lado, Sean Penn também recebeu das mães de Zelensky algo simbólico, o ator foi agraciado com a Ordem de Mérito de Terceiro Grau do Estado ucraniano pelo "apoio sincero" dado ao país desde o início da guerra, a 24 de fevereiro.

Os comentários estão desactivados.