Internacional

Ex-ministro do Brasil pede desculpa pelo tratamento "inqualificável" de Jair Bolsonaro a Portugal

O antigo governante, de 85 anos, falou no evento “Bicentenário da Independência: laços culturais entre Brasil e Portugal”, que decorreu na terça-feira, no Rio de Janeiro. 

Ex-ministro do Brasil pede desculpa pelo tratamento "inqualificável" de Jair Bolsonaro a Portugal

O antigo ministro do Ambiente do Brasil, Rubens Ricupero, pediu esta semana desculpas a Portugal pelo comportamento pouco diplomático do então Presidente Jair Bolsonaro, que viria a ser derrotado nas urnas por Lula da Silva, no dia 30 de outubro.  

"Nós temos o dever de pedir desculpas ao Presidente de Portugal e ao povo português pelo tratamento inqualificável de que foi alvo o chefe de Estado da República Portuguesa por parte de um brasileiro que desonra a cada dia o alto cargo de presidente do Brasil que imerecidamente ocupa", disse o antigo governante, de 85 anos, no âmbito do evento “Bicentenário da Independência: laços culturais entre Brasil e Portugal”, que decorreu na terça-feira, no Rio de Janeiro. 

O evento contou com a presença do embaixador português no Brasil, Luís Faro Ramos, e do ex-embaixador Francisco Seixas da Costa, assim como o ex-secretário geral do Ministério das Relações Exteriores brasileiro Marcos Azambuja e a curadora e consultora de arte Evangelina Seiler. 

Também esta semana foi confirmado que Lula da Silva deverá vir a Portugal ainda este mês, entre 18 e 19 de novembro. Uma ação que Jair Bolsonaro, enquanto foi chefe de Estado, nunca realizou.

Os comentários estão desactivados.