Politica

Paulo Raimundo eleito novo secretário-geral do PCP por unanimidade

Paulo Raimundo vem substituir Jerónimo de Sousa, que estava na liderança do partido há 18 anos. 


Paulo Raimundo, de 46 anos foi, este sábado, eleito por unanimidade como quarto secretário-geral do Partido Comunista Português (PCP), após o encerramento do primeiro dia de trabalhos da Conferência Nacional do partido.

O resultado foi divulgado por Margarida Botelho, membro do Secretariado do PCP, no final da reunião do grupo parlamentar:

"O Comité Central elegeu Paulo Raimundo como secretário-geral do PCP. A proposta foi aprovada por unanimidade. O camarada Paulo Raimundo entendeu não votar".

Recorde-se que, no passado sábado, Jerónimo de Sousa, "refletindo sobre a sua situação de saúde e as exigências correspondentes às responsabilidades que assume, colocou a questão da sua substituição nas funções que desempenha". 

O ex-líder, que ocupava aquele cargo há já 18 anos, avançou também que iria dexiar de ser deputado, sendo que o seu lugar vai ser aí prenchido por Duarte Alves, um dos dirigentes mais jovens do partido. 

Jerónimo de Sousa foi eleito a 28 de novembro de 2008, para substituir Carlos Carvalhas, através de uma votação por braço no ar, sem qualquer voto contra e apenas com quatro abstenções. 

A Conferência Nacional do PCP, sob o lema "Tomar a iniciativa, reforçar o partido, responder às novas exigências', termina no domingo, no Pavilhão Alto do Moinho, em Corroios, Seixal, com o primeiro discurso de Paulo Raimundo enquanto secretário-geral. 

Os comentários estão desactivados.