Internacional

FIFA anuncia proibição de venda de álcool nos estádios no Mundial

Um dos principais patrocinadores do Mundial é a marca de cerveja Budweiser.


O Qatar exigiu à FIFA que não permitisse a venda de álcool nos estádios onde se realizam os jogos do Campeonato do Mundo, que tem início no domingo, e nem mesmo nas Fanzones, locais onde os adeptos se juntam antes dos jogos.

A Federação Internacional de Futebol atendeu ao pedido do país organizador da competição e não haverá bebidas alcoólicas nos estádios nem nas imediações durante o Mundial.

Esta decisão arrisca trazer problemas com um dos principais patrocinadores da competição, a marca de cerveja Budweiser, que poderá pedir uma indemnização milionária.

No Qatar a venda de álcool é muito limitada e apenas alguns hotéis permitem o consumo de bebidas alcoólicas.

A família real do Qatar é a responsável por este pedido controverso que se junta ás várias polémicas em que o país se vê envolvido, como não respeitar os direitos humanos.

Os comentários estão desactivados.