Internacional

Rússia de Putin mais isolada

Estado-pária, olhado de lado até pelos seus amigos, China e Índia.

Rússia de Putin mais isolada

Quando líderes das maiores economias reúnem no G20, normalmente discussões comerciais dominam a agenda.

Desta vez, em Bali, na Indonésia, o foco foi a invasão da Ucrânia, com a Rússia quase como Estado-pária, olhada de lado até pelos seus amigos, China e Índia.

Na declaração final desta cimeira, escreveu-se que «a maioria dos membros condena fortemente a guerra na Ucrânia», apontando que esta «exacerba as fragilidades existentes na economia global». Talvez por isso a China tenha feito críticas à Rússia, veladas mas pouco habituais, e a Índia insistido que o Kremlin mantivesse o acordo para venda de cereais ucranianos.

Os comentários estão desactivados.