Internacional

Sobe para 56 o número de mortos em sismo na Indonésia

Em declarações aos jornalistas, o chefe administrativo de Cianjur, Herman Suherman, disse que os tremores provocaram ferimentos em cerca de 700 pessoas.

Sobe para 56 o número de mortos em sismo na Indonésia

Um sismo de magnitude 5,6 na escala de Richter atingiu, esta segunda-feira, a Indonésia, na província de Java Ocidental, na ilha de Java, provocando a morte de pelo menos 56 pessoas. 

O novo balanço foi confirmado pela Agência Nacional de Gerenciamento de Desastres (BNPB, em indonésio), que tem estado a atualizar, ao longo do dia, o número de óbitos e feridos no terramoto. O balanço anterior dava conta de 46 mortes. 

Em declarações aos jornalistas, o chefe administrativo de Cianjur, Herman Suherman, disse que os tremores provocaram ferimentos em cerca de 700 pessoas."As vítimas continuam a chegar de muitas áreas. Cerca de 700 pessoas ficaram feridas", reportou Suherman, à Kompas TV.

 

Muitos edifícios foram evacuados no distrito comercial central de Jacarta e várias pessoas relataram à Reuters terem sentido prédios a tremer. O impacto do sismo causou sérios danos a pelo menos 343 casas e um internato islâmico, enquanto o hospital de Cianjur sofreu danos mais moderados. O terramoto afetou ainda, pelo menos, quatro edifícios governamentais, três escolas, uma igreja e várias lojas locais.

As autoridades, porém, descartaram o perigo de um "potencial de ‘tsunami’".

 

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, sigla em inglês), que acompanha a atividade sísmica em todo o mundo, registou o terramoto às 13h21 (6h21 em Lisboa) e localizou o epicentro a 16,7 quilómetros da cidade de Cianjur, que tem uma população de cerca de 170.000 pessoas.

[Notícia atualizada às 15h48h]

Os comentários estão desactivados.