Sociedade

Mulher de 23 anos morre na sequência de choque frontal com viatura pesada

De acordo com o responsável, foi solicitada pelos bombeiros a presença da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) da Guarda no local, mas esta não compareceu, pois estaria "estava inoperacional".


Uma mulher de 23 anos morreu, esta segunda-feira, na sequência de uma colisão entre um veículo ligeiro e uma viatura pesada, no concelho de Almeida, distrito de Guarda. 

De acordo com fontes dos bombeiros e da GNR à agência Lusa, o acidente ocorreu pelas 09h01 na Estrada Nacional 332, entre Almeida e Vilar Formoso, na União de Freguesias de Junça e Naves. 

A vítima mortal era a condutora do veículo ligeiro e encontrava-se a circular no sentido Vilar Formoso - Almeida, acabando por chocar de frente com a viatura pesada, que seguia em sentido contrário. 

O óbito da jovem foi confirmado no Hospital Sousa Martins, na Guarda, para onde foi transportada de ambulância. 

"[No local] tentámos fazer o possível, mas o estado [em que a vítima se encontrava] era mesmo muito grave", referiu o comandante dos Bombeiros Voluntários de Almeida, Francisco Martins, à agência Lusa.

De acordo com o responsável, foi solicitada pelos bombeiros a presença da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) da Guarda no local, mas esta não compareceu, pois estaria "estava inoperacional".

Na altura em que o acidente ocorreu estaria "a chover com muita intensidade naquela zona", avançou ainda o comandante. 

As causas da ocorrência estão a ser investigadas por elementos do Núcleo de Investigação Criminal de Acidentes de Viação (NICAV) do Comando Territorial da GNR da Guarda, tendo estado no local 14 elementos e seis viaturas dos Bombeiros Voluntários de Almeida, da GNR e da proteção Civil Municipal de Figueira de Castelo Rodrigo, segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda.

 

Os comentários estão desactivados.