Internacional

Hungria adia ratificação da adesão de Suécia e Finlândia para o próximo ano

A Hungria e a Turquia são os únicos membros da Aliança que ainda não aprovaram a adesão. 


A Hungria adiou para o próximo ano a ratificação da adesão da Finlândia e da Suécia à NATO, anunciou esta quinta-feira o primeiro-ministro húngaro, Viktor Orbán. 

"A Hungria certamente dará o seu apoio à adesão [da Finlândia e da Suécia]. Depois que o governo o faça, também o parlamento o fará", disse o governante, citado pela agência Reuters, num briefing que se seguiu após uma reunião do Grupo Visegrad, na Eslováquia. 

A Hungria e a Turquia são os únicos membros da Aliança que ainda não aprovaram a adesão. 

A Finlândia e a Suécia oficializaram o pedido de adesão à NATO em maio deste ano.  
 

 

 

Os comentários estão desactivados.