Sociedade

Vacinação contra a covid-19 pode continuar a ser necessária durante "décadas"

Alerta é de especialistas europeus.


A diretora do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC, na sigla em inglês) admitiu, esta sexta-feira, que a vacinação contra a covid-19 poderá continuar a ser necessária durante décadas.

"Temos de continuar a vigiar e a adaptar as vacinas contra a covid aos riscos que possam surgir. A necessidade de utilizar essas vacinas em tempo oportuno pode ser exigida nas próximas décadas, pois o vírus pode entrar numa fase endémica", afirmou Andrea Ammon, numa sessão pública durante o Conselho de ministros da Saúde europeus que está a decorrer em Bruxelas.

Sublinhou, no entanto, que "a estratégia de vacinação de cada país poderá variar" tendo em conta critérios, como "a situação epidemiológica, a população de risco ou o nível de imunidade".

Para Andrea Ammon é importante que o processo de vacinação continue. A comissária da Saúde sublinhou que as vacinas continuam a ser a “melhor ferramenta” de combate à pandemia. “São a nossa apólice de seguro e não devemos abdicar dela", defendeu Stella Kyriakides.

Os comentários estão desactivados.