Internacional

Mulher detida após esconder parto. Recém-nascido foi encontrado morto

Os profissionais de saúde que trataram da mulher, perceberam que a doente apresentava sintomas de parto, e decidiram comunicar à Polícia Nacional


Uma mulher foi detida em  Albacete, Espanha, depois da Guardia Civil ter encontrado o corpo de um recém-nascido em sua casa, o nascimento do bebé foi ocultado, quando foi ao hospital para tratar uma hemorragia.

Segundo relatos feitos por fontes do Tribunal de Justiça de Castilla-La Mancha  à agência Efe, a mulher está em prisão preventiva desde sábado passado e o caso está sob segredo de Justiça.

Fontes da investigação adiantaram que a detenção ocorreu após a Polícia Nacional ter recebido uma denúncia do hospital da cidade, sobre as suspeitas acerca do motivo real da hemorragia.

Os profissionais de saúde que trataram da mulher, perceberam que a doente apresentava sintomas de parto, e decidiram comunicar à Polícia Nacional que por sua vez notificou a Guarda Civil, que encontrou o bebé sem vida.

A mulher está em prisão preventiva, sem direito a fiança. As autoridades estão a investigar o caso.

Os comentários estão desactivados.