Internacional

Rússia vai reforçar exército para 1,5 milhões de pessoas, diz Ucrânia

Objetivo será "avançar num confronto de longo prazo, com preparativos para hostilidades em larga escala", diz Ucrânia. 

Rússia vai reforçar exército para 1,5 milhões de pessoas, diz Ucrânia

A Rússia planeia aumentar o seu exército para 1,5 milhões de efetivos, criando 20 novas divisões. A notícia é avançada pelo Estado-Maior das Forças Armadas da Ucrânia. 

Em conferência de imprensa, o Brigadeiro-General Olenksi Hromov, Vice-chefe do Departamento Principal de Operações do Estado-Maior, disse que a atualização bélica dos tropas russas tem como objetivo continuar a guerra na Ucrânia.  

"Para implementar os seus planos de invasão, o comando russo anunciou medidas em larga escala para reformar as forças armadas, em particular, aumentando o seu número total para 1,5 milhões de pessoas e formando pelo menos 20 novas divisões. Esses planos ilustram a vontade do Kremlin de avançar num confronto de longo prazo, com preparativos para hostilidades em larga escala", disse o responsável.  

 

Os comentários estão desactivados.