Sociedade

Homem encontrado morto em veleiro na marina de Lagos

Em comunicado enviado às redações, a Autoridade Marítima Nacional (AMN) informa que o homem tinha cerca de 80 anos e ainda não são conhecidas “as causas que estão na origem" da morte. 

Homem encontrado morto em veleiro na marina de Lagos

Foi encontrado morto, no sábado, o proprietário de uma embarcação que se encontrava atracada na marina de Lagos, no Algarve, no interior do veleiro. 

Em comunicado enviado às redações, a Autoridade Marítima Nacional (AMN) informa que o homem tinha cerca de 80 anos e ainda não são conhecidas “as causas que estão na origem" da morte. 

A autoridades foram ao local depois de terem recebido um alerta que dizia que o homem não era visto há algum tempo. 

Foram enviados para a marina de Lagos, no distrito de Faro, elementos do Comando-local da Polícia Marítima, dos Bombeiros Voluntários de Lagos e da Polícia Judiciária, que está agora a cargo da investigação.  

O dispositivo contou ainda com elementos da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), declarando o óbito no local.  

Quando subiram à embarcação, "os elementos da Polícia Marítima constataram que o homem se encontrava no interior do veleiro em estado inconsciente" e já "não apresentava sinais vitais", lê-se na nota.  

"Foi contactado o Ministério Público, tendo o corpo sido posteriormente transportado pelos elementos dos Bombeiros Voluntários de Lagos para o Gabinete Médico-Legal de Portimão", assinalou ainda a AMN. 

 
 

 

Os comentários estão desactivados.