Sociedade

Ondas chegaram quase aos 14 metros de altura em Portugal continental

Informação foi esta quinta-feira avançada pela Marinha


A Marinha Portuguesa revelou esta quinta-feira que, nos dias 17 e 18 de janeiro deste ano, registou um "agravamento do estado do mar na costa oeste de Portugal" devido à passagem da depressão FIEN. 

Durante a madruga de quarta-feira, pela 1h25, a boia de Leixões costeira, localizada a cerca de 20 quilómetros da costa, registou uma altura máxima de 13,9 metros, o "equivalente a um prédio com cerca de quatro andares". 

Além disso, foi registada uma “altura significativa de 8,18 metros, com períodos de pico entre 12 e 16 segundos em direção Noroeste”. 

Por outro lado, a boia da Nazaré oceânica, que se encontra a cerca de 27 quilómetros da costa de Peniche, registou pelas 20h de terça-feira uma "uma altura máxima de 12,13 metros e uma altura significativa de 8,07 metros".

 

Os comentários estão desactivados.