Politica

Cotrim diz que "há cada vez mais liberais em Portugal"

Decorre este sábado a VII Convenção Nacional do partido


Está este sábado a decorrer a VII Convenção Nacional da Inicitiava Liberal e o presidente cessante desafiou os "tudólogos do cinismo" a dizer que "não há cada vez mais liberais em Portugal".

"Crescemos e afirmámo-nos. Aos nossos adversários políticos, aos tudólogos do cinismo eu digo: olhem para nós, olhem para nós e digam lá agora que não há cada vez mais liberais em Portugal", disse João Cotrim Figueiredo no arranque da convenção. 

Para disputar o lugar deixado por Cotrim Figueiredo estão os deputados e dirigentes Rui Rocha e Carla Castro e o conselheiro nacional José Cardoso. 

Para Cotrim, a "convenção é uma prova evidente deste crescimento":

"Eu fui eleito numa convenção com 196 pessoas, hoje temos aqui 1.300 e mais 1.000 a seguir online. Doze vezes mais em apenas três anos", afirmou, lembrando que os membros da IL passaram de 600 em 2019 para 6.000 atualmente e os núcleos de seis para cem. 

Em outubro do ano passado, João Cotrim Figueiredo anunciou que não se iria recandidatar às eleições antecipadas, convocadas a meio do mandato, provocando surpresa nas hostes liberias e tendo depois manifestado apoio quase imediato a Rui Rocha, um dos candidatos. 

 

 

Os comentários estão desactivados.