Desporto

Dani Alves conta três versões diferentes a juíza

O lateral-direito foi acusado de contradição pela juíza, que também não terá gostado do comportamento narcisista apresentado pelo futebolista.


O jogador brasileiro Dani Alves foi detido na passada sexta-feira em Barcelona devido a uma acusação de agressão sexual e, já terá apresentado três versões diferentes do que aconteceu na noite de 30 de dezembro com a jovem de 23 anos, segundo avança o canal TV3.

O canal garante que inicialmente o jogador disse que esteva na discoteca em Barcelona, mas que não conhecia a mulher. Depois voltou atrás e disse que afinal sabia quem era, porém não tinham comunicado e, por último, que teria sido a mulher a “atirar-se” a ele.

O lateral-direito de 39 anos foi acusado de contradição pela juíza, que também não terá gostado do comportamento narcisista apresentado pelo futebolista, mostrando-se extremamente confiante na sua inocência.

Os comentários estão desactivados.