Cultura

A Feira do Livro já está no Parque Eduardo VII

A partir de hoje, e até ao dia 15 de Junho, a Feira do Livro regressa a Lisboa para encher o Parque Eduardo VII de literatura. Com mais de 500 editoras e chancelas, distribuídas por 250 pavilhões, vários deles para alfarrabistas, é possível encontrar aqui fundos de catálogo, com milhares de títulos que dificilmente se encontram em livrarias. 


Organizada pela APEL e com apoio da Câmara Municipal de Lisboa, a feira conta, como de costume, com lançamentos de livros, sessões de autógrafos, debates, encontros com escritores e concertos. E, nesta sua 84.ª edição há, mais uma vez, a Hora H: a partir de 2 de Junho, de segunda a quinta-feira, das 22h às 23h, nos pavilhões das editoras aderentes os livros editados há mais de 18 meses (que estão fora da Lei do Preço Fixo) encontram-se com descontos iguais ou superiores a 50%. De resto, como já é tradição, cada chancela tem, pelo menos, um Livro do Dia, com desconto de cerca de 40%. 

E claro que se os livros são o principal atractivo da feira, certo é que é aqui que muitos comem a sua primeira fartura do ano. Nesta edição, além das farturas, pipocas e algodão doce, haverá também um espaço de restauração renovado, com o intuito de permitir almoçar e jantar na feira, em mais de 30 locais diferentes. Das várias actividades propostas, destaque para o picnic literário, que se realiza a 13 de Junho, Dia de Santo António. E, embora em nada se relacione com os livros, o Mundial 2014 não foi esquecido: ao fundo do parque será colocado um ecrã gigante no qual os jogos serão transmitidos.

rita.s.freire@sol.pt

Os comentários estão desactivados.