Vida

Nicholas Sparks separa-se após 25 anos de casamento

Desta vez, Nicholas Sparks traz-nos uma história sem final feliz. O escritor norte-americano, autor de 17 best-sellers mundiais como O Diário Da Nossa Paixão e As Palavras Que Nunca Te Direi, anunciou esta terça-feira à revista People que se separou da mulher, Cathy Sparks, após uma união de 25 anos.

“Esta não é, claro, uma decisão tomada de ânimo leve. Continuamos a ser amigos próximos com um profundo respeito mútuo e amor pelos nossos filhos”, declarou. O escritor é pai de três filhos e duas gémeas com idades entre os 12 e os 23 anos.

Provavelmente o mais bem-sucedido escritor contemporâneo de romances sobre o amor e a paixão, Sparks teve nove das suas obras adaptadas ao cinema – com um sucesso igualmente estrondoso. No entanto, sempre recusou ser visto como um especialista dos assuntos do coração.

“Não gosto de dar conselhos sobre o casamento”, tinha dito à People em 2013. “Há pessoas muito melhores do que eu, que duraram muito mais tempo. Provavelmente, eu é que poderia aprender algo com eles”.

Cathy, que o escritor sempre considerou ser a sua musa, tinha na mesma ocasião levantado o véu sobre uma relação em que o espaço e a liberdade eram aspectos fundamentais: “Tentamos ter férias em separado. Precisas de estar sozinha. Tens de fazer um esforço, tirar um tempo. Ir e divertir-te sozinha. Fazemo-lo algumas vezes por ano”.

Nicholas Sparks nasceu em Omaha, estado norte-americano do Nebrasca, há 49 anos. Apesar de não ser pública a dimensão da sua fortuna, a Entertainment Weekly noticiava em 2008 que o escritor e a então sua mulher tinham financiado uma escola católica com um donativo de quase 10 milhões de dólares.