Vida

Sabe qual a origem dos 'tremeliques' no olho?

Também costuma sentir a pálpebra a tremer? Estes espasmos são muito irritantes, mas existem pequenas coisas que podem fazer para prevenir o aparecimento destes ‘tremeliques’.

Na maioria dos casos, estes tremores não são uma fonte de preocupação, explicou à Time o médico Wayne Cornblath, professor de oftalmologia da University of Michigan’s Kellogg Eye Center. “Acho que já todas as pessoas passaram por isto (…) Esfregamos o olho e [os tremores] acabam por passar”, afirmou Cornblath.

Sabe o que deve fazer para se livrar destes pequenos espasmos? Corte na cafeína. Segundo Cornbath, ingerir demasiada cafeína pode ajudar a desenvolver estes ‘tremeliques’. “A cafeína é um estimulante e ajuda a aumentar a reactividade dos músculos e dos nervos”, explica.

Para além disso, dormir pouco também pode ser uma das razões para ter estes tremores. “Um estudo mostra a correlação entre as duas coisas. Sabemos que dormir mais pode ajudar a prevenir o aparecimento deste problema, mas não sabemos porquê”, diz o professor de oftalmologia.

Outro dos factores que pode explicar o desenvolvimento de ‘tremeliques’ no olho é o stress. Quando estamos mais ‘stressados’ produzimos mais adrenalina. Esta hormona faz com que os músculos se manifestem através de pequenas contracções ou espasmos, como o que acontece na pálpebra, explica Rebecca Taylor, porta-voz da American Academy of Ophthalmology.

Em alguns casos raros, o tremor persiste durante vários dias. Nesses casos, Cornblath aconselha a fazer um tratamento com Botox.

Este problema costuma ser benigno. No entanto, o espasmo pode espalhar-se para a cara e para o pescoço. Nesse caso, deve ir ao médico com a maior brevidade possível.