Vida

Robô mata trabalhador na Alemanha

Um funcionário morreu na segunda-feira numa fábrica da Volkswagen na Alemanha vítima de um acidente com um robô da linha de montagem.

O trabalhador de 21 anos, funcionário de uma empresa externa à VW, estava a instalar a máquina quando esta pegou na vítima e esmagou-a contra uma placa de metal.

O jovem ainda foi assistido por médicos no local, mas morreu momentos depois no hospital.

Está agora em curso uma investigação às causas do acidente.

Este tipo de mortes é rara mas não é inédita. A primeira vítima mortal de um robô foi Robert Williams, operário numa fábrica da Ford nos Estados Unidos, em 1979. Na altura, a família foi indemnizada em 10 milhões de dólares.

Dois anos depois, um operário japonês da Kawasaki, Kenji Urada, foi empurrado por um robô para dentro de uma trituradora industrial, noutro caso então muito mediático.